corrupção

Fechou a tenda

Vão silenciar-se os murmúrios, vão afiar-se as lanças dos culpados, a razão vai ser engolida pela maledicência, fecham-se as cortinas da hipocrisia, secam-se as lágrimas de crocodilo, mais uma vez, a tempo, vão apagar-se as

Hora de verdades

Cruel destino sem destino, dependências inequívocas, ânsia frenética esquizofrénica, lobos selvagens famintos, marcaram a identidade da UNITA/FPU e das suas lideranças, a visível de ACJ/Chivukuvuku e a clandestina de Lukamba Gato e Kamalata Numa. Até 1975

A suprema derrota

A lista da comunhão subversiva e decadente do primitivismo dos instigadores do ódio serviçal, acaba de sofrer um revés monumental, vencida pelo primado da Lei, mais uma vez a arquibancada da promiscuidade foi demolida pela

Os macacos

Não é África nem tempos de colonização, mas não faltam primatas na Lusitânia terra que se auguram seres superiores, todavia, vendidos a preço de férias exóticas manchando a comunicação social com nichos prostituídos branqueadores de

E agora?

Extravasa fronteiras o eco das multidões que aplaudem e apoiam afetuosamente João Lourenço e o MPLA. É a verdadeira festa da Democracia, facto que contraria de forma inequívoca os abaixo-assinados dos rostos da subversão que

Ofensiva criminosa

Ofensiva criminosa Os atentados permanentes devidamente estruturados no SOVISMO, planeados pelos mercenários ACJ "Bétinho" e Abel "Totozinho" Chivukuvuku, a coberto da UNITA/FPU, são uma agressão criminosa contra pessoas e instituições do Estado, e transmitem uma ideia

Os papagaios

Tenho um papagaio que fala comigo todas as manhãs, mal me levanto diz-me bom dia e pergunta-me se dormi bem. Demorou, mas aprendeu o que lhe transmiti e cumpre religiosamente as lições que lhe dei. Na